Mamã

mama

Mamã é tantas coisas… É casa redonda, macia e andante. É porto seguro, feliz e radiante. Pôs-me neste mundo, nu, pequeno e terno…

O amor é o conceito fundamental que justifica o como, o porquê e o para quê de um texto rimado tão simples, mas simultaneamente tão universal, próximo da infância e acessível a leitores de todas as idades e de todas as culturas. O poema complementa-se com imagens exuberantes em conteúdos e cores, onde a natureza está presente do princípio ao fim. Mariana Ruiz Johnson quis, com esta obra, partilhar a sua experiência da maternidade, a partir de uma perspetiva artística e literária.
O ser humano é mais uma espécie neste álbum, onde, para além do mais, se realça a figura feminina, rodeada de plantas, beleza e fragmentos do mundo que nos rodeia.

mama2

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s