Assim Assado

assimassado_FIXOO bicho esbranquiçado, o sapo cabeludo, o médico aprendiz… serão eles personagens tão estranhos quanto a cozinheira que faz biscoitos com gosto de prateleira? Ou serão eles tão pirados quanto o homem que usa chapéu de telhado?
Mais uma vez, Eva Furnari coloca em sua obra, em perfeita sintonia, o texto escrito e a imagem. O livro dialoga ainda com a criança, ao usar certas situações, que quebram a lógica e se aproximam do universo cultural da infância, traduzido em parlendas, trava-línguas, adivinhas, enfim, jogos verbais que encantam as crianças, desde sempre. Além disso, ao relatar fatos que “não deram certo” com os personagens, o texto também ajuda a construir uma cumplicidade com o pequeno leitor, em suas incursões pelos “insucessos” rotineiros da vida, em especial, quando se está descobrindo o mundo e a si mesmo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s